Quanto Mais Bonita For Uma Frase ou Imagem Maior Cuidado Temos de Ter…

Ontem vi um vídeo de um rato tomando banho, achei a coisa mais fofa e bonita do mundo, e meus dedos até coçou para compartilhar, na verdade tudo parecia reais  e de fato era real, só que não sabia o que se escondia por trás daquele vídeo, que não apenas eu, como muita gente gostou bastante, só que sem saber o que se passava por trás deste vídeo.

images (1)

Somente hoje que vi uma postagem de um amigo carioca Fernando Monteiro, que soube o que de fato se passava por trás dessa imagem, muitas das vezes a gente se comove com tantas coisas sem saber o que se passa diante dela.

Pois bem, o rato não estava tomando banho, muito pelo contrário ele estava sentindo dores e tentando retirar o sabão que estava no corpo dele; o rato? O pior mesmo que sequer era um rato que estava no vídeo, a priori tratava-se de uma “pacarana, um roedor comum da América do Sul”.

images

Segundo informações o animal foi ensaboado intenvionalmente, pois quem fez isso sabia a maneira que ele iria se comportar. Hoje tive uma grande licão, a gente todos os dias tem uma lição, para que ao longo dos tempos possamos abrir os olhos diante aquilo que parece ser belo, que nos encanta e comove, seja uma frase, uma imagem, o que for!

Anúncios

Quero mesmo é um disco voador

Quero na minha loucura sair saltitando por ai,
E assim dizer que o que passou
Passou, que o mundo é dos loucos,
Sobrevive o que menos tiver cérebro.
– Não quero ser o responsável
Pela guerra!
– Muito menos quero matar um mosquito!
– Não quero saber da criação da Bomba
ATÔMICA!
Quero mergulhar em um livro,
E depois sair babando
Feito um debe mental,
E dizer que – tudo o que eu sei
É que nada sei.
Não quero falar através das redes
Sociais com meus amigos loucos,
Quero falar com eles pessoalmente,
E ligar o som, e depois desligar,
Ligar o som e depois desligar,
Ligar o som e depois
Dançar, e dançar, dançar…
Quero fazer de conta que sou o presidente,
E moro em becos, e tenho um cavalo
De pau, e assim posso brincar
Com meu barquinho e avião de papel,
E meu carro de lata,
Eu quero ser louco,
Para não saber o nome de tudo aquilo
Que me fere, e que me faz sentir dor – E isso é uma eutanásia aplicada
Em sentimento,
Ou quem sabe excesso de loucura,
– Quero ser louco e ter coração,
E sentir o que meu semelhante sente.
– Não quero ser o dono da verdade.
Quero mesmo é um disco voador!

disco-voador-menino-To-no-Cosmos

Para Quem Toca Bezerra da Silva e Dicró Não Deveria Abrir Espaço Para Presidente Cara de Pau

Um dos únicos programas que vejo tocar músicas de Bezerra da Silva e Dicró é o Programa Silvio Santos, pois diante ao que se passa na sociedade, músicas de ambos continuam atual em nossa sociedade, denunciando a corrupção, os senhores políticos que vivem a enganar o povo.

De um programa animado, ontem tenho percebido uma outra Face, diante ao Michel Temer no Programa Silvio  Santos, falando sobre a reforma da previdência social.

Não vi sequer uma pergunta inteligente, tanto Silvio Santos quanto o Michel Temer sabe que a reforma da previdência social vai prejudicar milhares de trabalhadores, pagadores de imposto que sustenta o plenário, milhares de pessoas subordinadas ao seu patrão, é o que vai acontecer, pelo o que deu a entender a preocupação dele é quanto o salário dos senhores deputados que não votarem na proposta.

26059894918_2ebf12f199_o.jpg

Ter uma empresa e pagar aos funcionários menos do que um salário é o que muitos empresários querem, assim como também não pagar o INSS é o que o governo e os empresários querem. Pois bem, querem continuar subindo em cima da sociedade, querem crescer fazendo uso de quem trabalha, assim nos tornando escravo.

Quem sabe para isso que funciona os Programas que levam felicidade para o povo, para através das graças manipular cada um? É o que me pareceu, e resolvi por minha vez não assistir o Programa Silvio Santos ontem, assim quando vi as primeiras perguntas sendo feitas a Michel Temer, e as galhofas de ambos. O presidente cara de pau, querendo mostrar uma boa imagem diante a grande mídia que apresenta o Programa Silvio Santos.

o-apresentador-silvio-santos-entrevista-em-seu-programa-o-presidente-michel-temer-pmdb-1517060365526_615x300.jpg

 

Jogo de xadrez

   A “sociedade brasileira” se encontra num jogo de xadres, na política “brasileira”, a briga entre a direita e a esquerda; cada um defendendo seus interesses, assim como também a defesa pelo seu partido favorito, cada um com seu “santo”. Lastimável que a sociedade persista a defender aqueles que se  encontram no plenário e aqueles que estão fora e quer entrar também, a sociedade que por sua vez trabalha e paga imposto vem sendo sugado cada vez mais, por aqueles que diz representá-lo, porque para a sociedade os problemas de um país somente é resolvido através de um representante, um governo que para a sociedade vai fazer muito pra ela.

   Nesse jogo de xadrez é um apontando para o outro na busca de mostrar quem está mais errado, e quem não tem razão de se posicionar a algo (na verdade político algum tem razão de falar algo, do que venha passando em nosso país). Às pessoas tem de entender que do pouco que nos dão, mais ainda eles tiram para si, não apenas os políticos quanto os empresários, porque quem move o mundo é o dinheiro, e o político também é um empresário, que trabalha com empresários donos de empresa. A sociedade precisa de mais consciência, parar de se opor um ao outro e se unir, contra o sistema capitalista, contra o governo, contra tudo aquilo que se opõe a ela.

   O povo precisa acordar para a realidade e é o que o próprio povo fala, todos falam que o povo precisa acordar pra realidade, é mais que necessário que a sociedade se unam, criem as suas bases e se fortaleça, estudem, eliam, pratiquem, criem projetos, e assim se desenvolvam. A busca pela ação direta, autogestão e ensinamento mútuo tem de continuar, não pode de forma maneira acabar com as ideias que venham a fortalecer o povo, e acreditar de um povo pelo povo um dia. Quem sabe o anarquismo o futuro da nação.

Viver num país sem governo é uma utopia, que precisa ser realizada, quebrar a visão de oposição e se unir, não deixar que a mídia nos manipule, que a palavra do outro não nos engane, ser atento para tudo o que se passa, e buscar o conhecimento, a sabedoria.

xadrez-foto

 

 

Bom dia

O dia nasceu,
O galo cantou
Dia antes,
Os pássaros
Cantam em seu lugar.
O café
A fever
Preste a transborda,
Aroma de vida.
O dia e sua melodia
Pura poesia.
Folhas caídas
No chão,
A ser levado
Pelo vento,
Palavras comuns,
Sendo falada
No passeio:
– Virou raridade!
Pessoas nas redes sociais,
O celular a substituir
O contato pessoal.
Dia de saudade,
Muitas nostalgias.
O sino da igreja
Toca,
Pessoas se bezendo
Às 6h.
O dia raiou,
E o ontem não
É mais hoje,
O hoje amanhã
Será ontem,
E o dia
Não é mais o mesmo.
O fim do mundo,
São todos os dias,
Contado pelos cientistas
Dos EUA,
E ninguém.
Bom dia,
Para todos,
O dia começa
Neste mundo imenso,
Que na verdade,
Nunca acaba!

Artista não se vende

À poesia foi subordinada,
Não, não, na verdade
Compraram os poetas,
Compraram os escritores,
Compraram os pintores,
Compraram os cantores,
Compraram os artistas.
Compraram as palavras,
A poesia não foi subordinada,
Subordinada foi os poetas,
Os escritores, os compositores,
Os pintores, os cantores,
Os artistas.
Todos foram divididos,
Cada um com seu partido,
Cada um com suas ideias,
Cada foi comprado,
Alguns se maqueiam,
E outros tentam mostrar
Transparência.
Não, não, na verdade
Estes não são poetas,
Escritores, compositores,
Pintores, cantores…
Estes na verdade não se subordina,
Busca vencer a vida,
Busca quebrar barreira,
E todas as palavras
Escritas, quando vem
De quem foi subordinado,
Não tem cor, não tem gosto,
E mata o tempo,
Engana os seres…
Poetas, escritores, compositores,
Cantores, artistas,
Não se subordinam,
Mas uma coisa se sabe:
– Nem todo cristão é fiel.
Existe quem haja
Com má fé!

À Noite

Baseado em fatos reais

À noite é bela
E o mundo exala seu aroma,
Quem sabe na beleza da noite
O disfarce do perigo.
À noite bela e sua fragrância,
Traz as estrelas e a lua nua,
Na praça dois casais namoram
E sorriem
Como se o dia não terminasse.
À noite está fria,
Os seres se isolam também,
Meninos, adolescentes, homens
Meninas, adolescentes, mulheres,
Deitados em papelão
Todos juntos buscando se esquentar,
Seres abandonados.
À noite é bela…
Ratos saem da toca,
À rua traz outras fragrâncias
De esgoto, pessoas a fazerem o mal,
Assalto, homicídio,
Mães chorando na esquina.
E a noite sempre a encantar
O olhar dos poetas, que escrevem
A paisagem, e os turistas a
Tirarem fotos das fontes,
Onde não tem moradores de rua tomando
Banho.
À noite é bela,
Em Sete Portas, dois casais num
Colchão sujo, infecto,
Se abraçando, um beijando o outro,
Como se estivesse em casa,
Na verdade estavam em casa:
– Meu Deus, eles moram na rua.
Mulher pedindo moeda
Para fumar chack,
E a noite não mais
Parecia bela,
E todos admiravam o casal,
Deitados no colchão,
Namorando, não se incomodavam
Com o passar das pessoas, dos carros,
Da moto…
E tocava uma música,
Que sintonizava os dois ali,
Em cima do colchão.
E a noite é bela,
Fui roubado,
Mas, não levaram
Todo o meu dinheiro:
– Graças a Deus.

Tiroteio

O carinha da esquina poderia está morto
Neste exato momento, só Deus, para
Salvá-lo – e salvou-no, sem mais nem menos.
E em todo canto gente correndo
Para todos os lados, e o pai é maior,
Menos o coração, daqueles que querem fazer o mal.
Instantes de desespero, mães chorando,
E filho preste a ir para outro lugar,
Sem ser a terra (mas, para onde?)
Nem sempre a vida é grata para todos,
basta crer que tudo pode mudar,
É a convicção daqueles que
De fato não tem nada a perder,
E muitas das vezes perde tanto…
A fé é maior, por mais que o caminho seja longo.
Quanto custa a vida? E quanto vale a morte?
Diante ao sofrer humano, e a miséria social,
O que importa mesmo é que tudo pode fazer sentido,
Basta acreditar, que o altíssimo pode estender a mão,
Sobre quem querer! E todo o gesto nobre,
Surge daqueles que tem humildade no coração.
O carinha da esquina tem sorte!
– Mas, quantos morreram neste dia?

 

sao_benedito.jpg

Abaixo a Ditadura

Nosso país sempre foi golpeado e a ditadura militar foi também um golpe, muita gente foi massacrada pela ditadura militar, e hoje temos de conhecer mais a história do nosso país, ler com mais assiduidade o que já se tem passado em nosso país, pra que não aconteça o que já aconteceu anos atrás, para que nos previnamos, para que a gente tenha força, ler é indispensável. Os ditadores do estado buscavam acabar com os arquivos, fazia o máximo para destruir tudo aquilo que pudesse levar ao povo o conhecimento, tanto que eles queimavam livros em praça publica, e não apenas queimavam livros como também obrigava a escritores a saírem da sua terra natal pra outro estado ou outro país, alguns eram agredidos, outros assassinados, já vivemos em tempo de chumbo, não apenas escritores, poetas, compositores, cantores, como também jornalistas sofriam com a censura em nosso país, trabalhadores não tinham o direito de fazer manifestações para cobrar os seus direitos, para o estado todos tinham de trabalhar e não reclamar, pagar o imposto sempre foi uma obrigação (até nos dias atuais). Hoje muita coisa mudou, vivemos numa ditadura camuflada, numa “democracia” com a presença de governantes, de polícia do Estado, continuamos divididos em classes, e não estamos longes de sofrer mais uma intervenção militar, e a intervenção militar é tudo aquilo o que a burguesia quer, assim como boa parte da mídia, porque muitos conseguiram se beneficiarem com isso, menos a sociedade, que busca trabalhar para o sustento de cada dia, muitas das vezes sem o direito de lazer (E que lazer a sociedade tem com o salário mínimo, diante ao imposto que paga?). Ainda temos de continuar lutando, houve mais um golpe para aqueles que acreditam na democracia, passaram por cima da sociedade e elegeram um presidente que não veio através do voto da sociedade, manipularam todos, colocaram no poder um presidente que não merecemos, que busca burlar nossos direitos, temos de continuar nos organizando, o povo tem de saber e fazer uso do poder que tem, ainda acredito do povo pelo povo, e aqueles que nos governa tem medo de uma sociedade consciente, não investem na instrução pública, querem que limpemos a sujeira que eles fazem, querem que sejamos servos do estado, escravizam nos pela nossa necessidade de consumo. Que abramos os olhos ABAIXO A DITADURA!

images