Hipocrisia Social: Já matou, né?


Muitos da sociedade pouco vem se importando, caso a polícia mate um ou mais inocentes na favela, para muitos a polícia está fazendo o trabalho dela combatendo a criminalidade, lutando contra o tráfico de drogas, e se matarem um ou mais inocentes é normal, faz parte do trabalho da polícia, acontece.

Quanto a criança, Ágatha, 8 anos, que foi assassinada com tiro de fuzil, ainda tem como jogar a culpa nos traficantes ou quem sabe em um poste (como fez uma certa amiga), até porque nem todos vão duvidarem das palavras dos militares. Quanto a comunidade local? Ela é tida como mentirosa, por mais que ela diga que não houve troca de tiros, e que os militares mataram a menina muitos vão fazerem de conta que não é verdade.

Quanto as outras crianças, Jenifer, 11 anos, o Kauan, 12 anos, Kauã, 11 anos… A gente tem que fazer de conta que é normal o assassinato delas. O governador é incapaz de se posicionar, o presidente pouco está se preocupando… quem sabe é como o caso do músico negro assassinado com mais ou menos 80 tiros disparados pelo exército, mais um caso apenas (para parte da sociedade).

Para muitos, já morreram, vai fazer o que? Virou apenas números, anunciados pela mídia. O assassinato de uma ou mais pessoas negras, pobres, moradores de bairros periféricos, apenas mais um ou mais abandonados(as) pelo sistema, criminalizados pelo Estado, e parte da própria sociedade.

Fonte de imagem: Internet

Autor: Valter Bitencourt Júnior

Valter Bitencourt Júnior, nasceu em Salvador, Bahia, Brasil, em 25 de junho de 1994, é anarquista, blogueiro, streamer/influencer, poeta e escritor brasileiro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: