Momento


Sentir um imenso vazio no peito, queria olhar no espelho para enxergar o meu interior e ver o tempo que ganhei e o tempo que eu tenho perdido. Refletir a vida sempre foi doloroso, porque mexe muito comigo. Queria um abraço de quem não aceitei – do vazio a saudade de tempos que passaram e que jamais vai voltar.

Não sei se perdi a felicidade, não sei até quando eu conseguirei mentir que estou bem, quando na verdade nada vai bem – mentir que tudo vai bem quem sabe seja uma forma de esconder os próprios problemas ao próximo, até porque o próximo jamais terá a capacidade de ajudar, quem na verdade necessita de ajudar a si mesmo e procurar o rumo a seguir.

Na minha frente sempre há um nevoeiro, sempre há uma dificuldade, sempre há um obstáculo que eu tenho de quebrar.

Não queria escutar interrogações, queria mesmo escutar “que bom lhe ver” ou quem sabe um elogio qualquer que não me faça sentir grande e muito menos pequeno, queria escutar palavras verdadeiras, sinceras e leais.

Sinto uma imensa dor muitas das vezes, uma dor que faz com que eu lembre que eu sou humano e que preciso abaixar a cabeça matar o meu próprio ego, a minha vaidade, a minha ganância… – Tenho de parar de querer carregar o mundo nas costas, preciso amar o meu próprio ser e descobrir quem de fato eu sou.

Quem sabe não haja palavras que de fato venha definir os meus sentimentos, pois essa escrita é formada por palavras soltas… tão confusa quanto eu a cada dia que passa.

Publicado por Valter Bitencourt Júnior

Valter Bitencourt Júnior, nasceu em Salvador, Bahia, Brasil, em 25 de junho de 1994, é anarquista, poeta e escritor brasileiro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: