Grande Prêmio Cidade do Rio de Janeiro 2019 – Academia Carioca de Letras


Convido para a cerimônia de premiação de Geraldinho Carneiro, 2ª feira, dia 9 de março, às 17h30, na Academia Carioca de Letras – Rua Teixeira de Freitas, 5, sala 306, Centro. Ele ganhou o Prêmio Cidade do Rio de Janeiro, pelo conjunto da obra. Terei o prazer de fazer o discurso de saudação ao poeta. Antonio Carlos Secchin, no Facebook.

FB_IMG_1583494141804

Valdeck Almeida de Jesus, trouxe algo para lá de interessante no jornal A Voz da Favela, com o título “Poeta ou Poetisa?”


Valdeck Almeida de Jesus, trouxe algo para lá de interessante no jornal A Voz da Favela, com o título “Poeta ou Poetisa?”:

Poeta é substantivo se origem latina e grega. Poetisa é derivado (correspondente feminino) com o sufixo “isa”. “Designar a mulher como poetisa é diminuí-la intelectualmente. Eu mesma me intitulo poeta e acho desnecessário poetE ou poetX”, opina a escritora Rita Queiroz. Cecília Meireles rejeitava ser chamada de poetisa: “Eu canto porque o instante existe / e a minha vida está completa. / Não sou alegre nem sou triste: sou poeta”. Luz Marques diz: Eu sou poeta e não reconheço poetE ou poetX; ser poeta é ser livre e dispensa gênero; posso ser homem, mulher, Iansã, uma árvore, a mãe terra…”. “O termo ‘poeta’ para utilização  por mulheres cisgêneras funciona perfeitamente, pois o uso ressignifica o termo. Mas para mulheres trans, que ainda  são vistas como ‘homens’ pela sociedade, a estratégia não tem tanto sucesso assim, uma vez que podemos associar o uso masculino do termo a essas mulheres por transfobia e não ressignifiação”. É o que pensa Yuna Vitória. Para ela, “algumas se sentirão confortáveis utilizando e outras não, por conta dessa carga”. “Eu mesma não me ofendo se for chamada de “poeta”, mas me autodeclaro poetisa, afinal, faço mesmo poesia de miudezas.”. Quanto o neutralizar o gênero ela prefere poetE e não poetX, “pelo simples fato de “poetE” ser inteligível a software para portadores de deficiência visual. É mais incluso”, finaliza. O importante é aceitar a definição que cada pessoa prefere; respeitar as diferenças e apoiar a luta de cada um (a). E viva a poesia.

Valdeck Almeida de Jesus, no Jornal A Voz da Favela, pág. 8, Salvador, Dezembro 2019.

Foto da pág. 8, do jornal A Voz da Favela, onde se encontra o artigo "Poeta ou Poetisa", de Valdeck Almeida de Jesus
Foto da pág. 8, do jornal A Voz da Favela, onde se encontra o artigo “Poeta ou Poetisa”, de Valdeck Almeida de Jesus, jornal publicado em dezembro de 2019.

Inscrições Abertas: Curso Castro Alves 2019 – XIV Colóquio de Literatura Baiana


INSCRIÇÕES ABERTAS
CURSO CASTRO ALVES 2019 – XIV COLÓQUIO DE LITERATURA BAIANA 22 A 24 DE OUTUBRO
das 14h às 19h – Carga horária: 20 h.

INSCRIÇÕES PARA COMUNICAÇÕES E OUVINTES:
copie, preencha e envie a Ficha de inscrição para e-mail: cursocastroalves@gmail.com
Período de Inscrições: 20 de setembro a 10 de outubro de 2019, enquanto houver vagas
Academia de Letras da Bahia/Pós-Graduação em Estudos Literários/UEFS
Local: Av. Joana Angélica, 198 – Bairro de Nazaré – Salvador-Bahia

PROGRAMA

22/10 terça-feira:
14h15 – Sessões de Comunicações: temas, autores, obras da literatura baiana
16h00 – Conferência: A encantaria de A cachoeira de Paulo Afonso, de Castro Alves
Adriano Eysen Rego (UNEB)
17h00 – Mesa de conversa:
Castro Alves no teatro de Cleise Mendes
Sergio Farias (UFBA), Cleise Mendes (UFBA/ALB)
18h00 – Performance poética: O semeador da miragem
José Inácio Vieira de Melo

23/10 quarta-feira
14h15 – Sessões de Comunicações: temas, autores, obras da literatura baiana
16h00 – Conversa de escritores: Castro Alves, um personagem, da biografia à ficção
Gláucia Lemos (autora de O poeta da liberdade )
Adelice Souza, (autora de Cecéu, poeta do céu
Saulo Dourado (autor de O borbulhar do gênio
Vídeo: Navio Negreiro (récita e música)
17h30 – Conversa de poetas: A vida e a voz, das vivências à escrita lírica
Poetas: Lívia Natália, Mônica Menezes, Rita Santana
Coordenação: Clarissa Macedo

24/10 quinta-feira
14h15 – Sessões de Comunicações: temas, autores, obras da literatura baiana
16h00 – Mesa redonda: O escritor e seus múltiplos: estudos de autores baianos
Evelina Hoisel (UFBA/ALB), Antonia Herrera (UFBA),
Ligia Telles (UFBA)
Coordenação: Cássia Lopes (UFBA)
17h30 – Conferência final: Caminhos da criação poética
Antônio Carlos Secchin (UFRJ/ALB/ABL)
18h30 – Performance poética: Candombá, de Tude Celestino.
Interpretação: Tina Tude

CURSO CASTRO ALVES 2019 – XIV COLÓQUIO DE LITERATURA BAIANA

FICHA DE INSCRIÇÃO ( Prazo: de 20 setembro a 10 de outubro)
Obs: copie a ficha e cole no corpo do e-mail, preencha e envie para: cursocastroalves@gmail.com
NOME COMPLETO:_______________________________ ( ) graduando/graduado ( ) pós-graduando e/ou profissional tel.________________________ Curso:_______________________________ Instituição:________________________________
( ) Ouvinte Taxa R$ 10,00 (cinco reais) prazo até o dia de início do evento.
( ) Apresentador de comunicação – Taxa: R$ 100,00 (cem reais)
Obs: Para aluno de graduação, com orientador, taxa de R$ 50,00 (cinquenta reais)
Dia(s) para apresentar a comunicação: Numere 1, 2 ou 3 pela ordem de preferência
Dia 22/10 terça ( ) – Dia 23/10 quarta ( ) – Dia 24/10 quinta ( )
Usará data show? ( ) sim ( ) não
OBS: Pode-se inscrever uma mesa temática, com 5 ou 6 participantes. O coordenador envia a mesa completa, com as fichas e resumos. O aceite irá também para os participantes que pagarão suas respectivas taxas de inscrição diretamente com a coordenação do evento.
Abaixo da ficha, no mesmo documento, enviar um Resumo de 8 a 12 linhas, em word, fonte Times new roman, espaço simples. Título centralizado em maiúsculas; nome do autor e sigla da instituição à direita, texto justificado, títulos de obras em itálico, sem palavras-chave. Caso seja graduando, é obrigatório informar o nome e o e-mail do orientador do trabalho (IC ou avulso) identificando-o abaixo do nome do autor.
Obs: Enviar a Ficha e aguardar a carta de aceite e instruções para pagar a taxa.
RESUMO

Inscrições Abertas: Curso Castro Alves 2019


INSCRIÇÕES ABERTAS:
Curso Castro Alves 2019
XIV Colóquio de Literatura Baiana
Período: 22 a 24/10/2019
Local: Academia de Letras da Bahia – Inscrição para ouvintes até 15 de outubro.
Inscrição para apresentação de comunicações, de 20/9 a 5/10, enquanto houver vaga.
Interessados solicitar ficha e programa pelo e-mail
cursocastroalves@gmail.com

%d blogueiros gostam disto: