Segue a Recomendação de Afonso Borges: Curso Administrado pela Marcia Tiburi

Marcia Tiburi lança inscrições para seu Curso de Filosofia Contemporânea.


Recomendo muitíssimo o curso que a minha querida #MarciaTiburi vai fazer em março. Eu já me inscrevi e convido os amigos e amigas a ir comigo. Aqui, o texto e para conhecer, basta entrar no site dela que não vou postar aqui senão o Face não distribui para ninguém. Abraços, nos vemos lá. A.

Marcia Tiburi lança inscrições para seu curso de Filosofia contemporânea.

O curso começa partir de 9 de março desse ano e oferece 40 aulas em oitenta horas em tempo real. As aulas acontecerão às quartas-feiras das 19:00 às 21:00. As aulas ficarão gravadas também para quem precisar assistir depois. Haverá muito conteúdo (textos, sugestões de filmes, história das imagens e da arte) e muita didática para que os (as) participantes possam compreender as relações entre os problemas filosóficos e a realidade, bem como as formas de pensar e as experiências subjetivas possíveis na vida em geral. O curso visa apresentar temas essenciais e urgentes da filosofia contemporânea. É um curso adequado para quem deseja conhecer mais da filosofia do século XX e desse começo de século XXI, bem como questões de método em filosofia. Mas também vale para quem busca compreender a si mesmo e sua inserção no mundo. Pensadoras e pensadores de diversos países e tradições serão abordados permitindo tanto uma visão geral quanto uma visão aprofundada dos temas candentes de nossa época. As inscrições podem ser feitas no site.

Afonso Borges, no Meta.

Não existe voto certo


Muitas das vezes a gente dar a oportunidade a outra pessoa, para que ela faça pela gente o que a gente pode fazer. Votar é depositar a confiança no outro, de que ele fará algo por “nós”, depositar a confiança no outro é correr o risco de se decepcionar.

Não existe voto certo, até porque votamos em quem acreditamos que vai fazer algo por “nós”; a nossa escolha é dividida, cada um acredita em alguém, vence a maioria, logo a maioria torceu e acreditou que votou certo. A gente vota pelo o que nos propõem, e pelo o que acreditamos que fazem por “nós”.

Somos  tapiados em todas as formas, o pouco que fazem, muito tiram da gente. Pagamos imposto, e acreditamos que se ele faz, é porque, tiveram a sensibilidade de fazer, quando na verdade, não deixa de ser uma obrigação deles.

Quem sustenta o plenário é o povo, o povo que sustenta o plenário através do trabalho e o pagamento do imposto. Marginalizam aqueles  que não pagam o imposto, mas não marginalizam aqueles que sobrevivem através dos que pagam imposto, assim muitas das vezes desviando dinheiro do cofre público.

Se nos enganam, nos enganam pelo fato de ainda depositarmos confiança no sistema, por ainda alimentarmos o capitalimos, por mantermos de pé o Estado. E o voto é apenas mais uma ilusão, que tem se tornado em um direito nosso, para que acreditemos que um dia colocaremos uma pessoa certa na presidência.

Para que acreditemos que ainda vamos encontrar um vereador, senador, deputado, governador – “certo”. Para que acreditemos que vamos encontrar alguém que trabalhe pela gente, quanto cruzamos os braços e assim nos conformando com o que nos oferecem.

Adquiram livros da autoria de Valter Bitencourt Júnior


Na amazon já se encontram 5 livros da minha autoria publicado, para quem estiver interessado em comprar, é só acessar o link: https://www.amazon.com.br/gp/aw/s/ref=nb_sb_noss?n=9634157011&n=9634157011&k=valter+bitencourt+júnior livros em e-book nks melhores preços, você pode adquirir tanto o livro em e-book quanto o impresso!

Screenshot_20180205-115002.png

Tenho 2 livros publicados atraves do Clube de Autores, acesse o link e adquira o seu: https://www.clubedeautores.com.br/books/search?utf8=✓&where=books&what=Valter+Bitencourt+Júnior&sort=&topic_id=

O livro Toque de Acalanto pode ser comprado também nas Lojas Americanas, Submarino, FNAC, Shoptime, Buscapé, Livraria Cultura, Livraria Virtual, Mercado Livro.

Screenshot_20180205-115138.png

Nos transformando em tolo e quem sabe a gente finge ser

Existe imagens que circulam nas redes sociais que nunca vai deixar de ser repugnante, não vou falar sobre política e a corrupção do nosso país, até porque já sabemos que isso vem sendo repugnante, e todos querem falar sobre isso.


Existe imagens que circulam nas redes sociais que nunca vai deixar de ser repugnante, não vou falar sobre política e a corrupção do nosso país, até porque já sabemos que isso vem sendo repugnante, e todos querem falar sobre isso.

Na verdade quero falar sobre aquelas montagens que tem gente de má fé criando e publicando nas redes sociais, para comover tanto eu, quanto milhares de pessoas. Triste, mas existe tudo que é tipo de gente, quando não faz esse tipo de montagem muitas das vezes faz uso da deficiência dos outros para se promover e acreditar  que está sendo visto nas redes sociais.

Na verdade nunca gostei de ver esses tipos de publicação, nas redes sociais somos obrigados a ver de tudo, acredito que é isso que torna as redes sociais interessante, em certos pontos somos “livres”, pena que são poucas as pessoas que vem visando fazer bom uso das redes sociais.

Compartilhar a imagem de uma pessoa doente, não vai dar 5 centavos para ela por compartilhamento, tudo isso é mentira para que a gente se comova e compartilhe, assim como milhares de palavras de amém também não vai curar ela, a gente cada dia vem sendo hipocritas, e as vezes nos preocupamos mais com os outros do que com a gente mesma.

Quem sabe as redes sociais venha a ser também uma ilusão, ou algo que a gente muitas das vezes deposita de tudo acreditando que através dela tudo pode mudar, quem sabe às redes sociais um local de pessoas depressivas, doentes, paranóica na busca de ser vista, e que alguém a veja, e a console.

E nela existe gente de toda a forma, de todo o jeito.

E nas redes sociais também nascem psicopatas, aquelas pessoas que criam a listra de amigos, separam uma por uma, e fica muitas das vezes 24 horas  acreditando que todo mundo tem que falar com ela, e se alguém não falar vai ser excluída, ou então se essa pessoa na vida pessoal pisar no calo dela, com certeza vai ser excluída do Facebook. No Facebook tem a listra negra também, de quem a pessoa gosta, e de quem a pessoa não gosta também.

E a gente por nossa vez vai se tornando tolo, e como disse paranóico, doente, depressivo… E as redes sociais tem o seu lado positivo e negativo.

Positivo, porque na mesma forma que tenta separar as pessoas, também visa uni-las, assim como também para poder entrar em contato com as pessoas distantes, poder compartilhar os melhores momentos, assim como atrair pessoas para vender algo… as redes socias é boa, também para compartilhamento de fotos, vídeos, frases, pensamentos,  mensagens… E isso é bom. E são os dois lados, positivo e negativo, que torna as redes  sociais, interessante, e todos querem se conectar a ela.

redes

Jogo de xadrez


   A “sociedade brasileira” se encontra num jogo de xadres, na política “brasileira”, a briga entre a direita e a esquerda; cada um defendendo seus interesses, assim como também a defesa pelo seu partido favorito, cada um com seu “santo”. Lastimável que a sociedade persista a defender aqueles que se  encontram no plenário e aqueles que estão fora e quer entrar também, a sociedade que por sua vez trabalha e paga imposto vem sendo sugado cada vez mais, por aqueles que diz representá-lo, porque para a sociedade os problemas de um país somente é resolvido através de um representante, um governo que para a sociedade vai fazer muito pra ela.

   Nesse jogo de xadrez é um apontando para o outro na busca de mostrar quem está mais errado, e quem não tem razão de se posicionar a algo (na verdade político algum tem razão de falar algo, do que venha passando em nosso país). Às pessoas tem de entender que do pouco que nos dão, mais ainda eles tiram para si, não apenas os políticos quanto os empresários, porque quem move o mundo é o dinheiro, e o político também é um empresário, que trabalha com empresários donos de empresa. A sociedade precisa de mais consciência, parar de se opor um ao outro e se unir, contra o sistema capitalista, contra o governo, contra tudo aquilo que se opõe a ela.

   O povo precisa acordar para a realidade e é o que o próprio povo fala, todos falam que o povo precisa acordar pra realidade, é mais que necessário que a sociedade se unam, criem as suas bases e se fortaleça, estudem, eliam, pratiquem, criem projetos, e assim se desenvolvam. A busca pela ação direta, autogestão e ensinamento mútuo tem de continuar, não pode de forma maneira acabar com as ideias que venham a fortalecer o povo, e acreditar de um povo pelo povo um dia. Quem sabe o anarquismo o futuro da nação.

Viver num país sem governo é uma utopia, que precisa ser realizada, quebrar a visão de oposição e se unir, não deixar que a mídia nos manipule, que a palavra do outro não nos engane, ser atento para tudo o que se passa, e buscar o conhecimento, a sabedoria.

xadrez-foto

 

 

%d blogueiros gostam disto: